Tráfego Para Site

Como Gerar Tráfego Orgânico

Como gerar tráfego ORGÂNICO

Existem várias formas de aumentar o tráfego do seu site, ou do seu e-commerce, seja ele por compra de anúncios pagos com Google Adwords, ou Facebook que são os mais conhecidos ou também aplicando técnicas de SEO esse é o assunto do artigo.

Como Gerar Tráfego Orgânico

Nesses dois casos citados acima a grande vantagem é que você irá conseguir tráfego de qualidade e de forma bem rápida para seu site, porém para que isso aconteça você terá que dispor de verba para investir em anúncios.

Podemos dizer que os links patrocinados são os grandes responsáveis por decolar seus negócios online de forma rápida porém pago, já aplicando técnicas de SEO para obter tráfego orgânico, o retorno é mais demorado porém podendo a chegar custo zero na aplicação das técnicas, caso você mesmo as aplique.

Dicas para aumentar o tráfego do seu site

Mas o que é tráfego orgânico? É a maneira de conseguir visitantes através de técnicas SEO (Search Engine Optimization), que é o principal conceito de estratégia digital de marketing digital para obter tráfego gratuito nos buscadores.

Mas o que é tráfego orgânico?

Em outras palavras é o uso de técnicas para não possuir um custo direto em pagamento de anúncios ou seja as visitas desse tipo de tráfego chegam até o site através dos buscadores de forma grátis.

Para obter tráfego orgânico, seu site e conteúdo em si devem ser organizados e otimizados para SEO. Em regra geral é começar a otimização do seu site fazendo pesquisa de palavras-chave que tenham relevância com seu negócio de forma geral.

Muitas pessoas esquecem isso e otimizam seus sites para as palavras-chave erradas. Como resultado, eles não conseguem ranquear bem nos mecanismos de pesquisa. A pesquisa adequada de palavras-chave eliminará o risco de gastar tempo e dinheiro em palavras-chave erradas.

Quais Ferramentas utilizar em SEO

Há muitas ferramentas online criadas para essa finalidade, por exemplo, uma das principais que podemos estar citando é o Google Keyword Planner, que serve para exibir pesquisas mensais médias de uma palavra-chave selecionada e até gerar novas ideias de palavras-chave.

O ideal é que você pesquise por termos nos buscadores e analise os resultados que os buscadores retornam. Reserve seu tempo nessa ferramenta para encontrar palavras-chave que valem a pena utilizar dentro do seu site, do seu conteúdo, utilize se de palavras relacionadas para que você consiga ranquear seu conteúdo para mais palavras.

Depois de checar as palavras-chave que você deseja classificar, você pode começar a otimizar seu site site para os mecanismos de pesquisa. O SEO pode ser separado em duas partes:

SEO On-page – Otimizando o site e seu conteúdo. Um webmaster tem controle total do SEO na página, já que tudo é feito no site.

SEO Off-page – a maioria das pessoas acha que SEO off-page é apenas criar links, mas na verdade é tudo o que você faz fora do site: mídias sociais, menções, bookmarking social e, claro, link building.

Ambos são importantes e devem ser usados simultaneamente. No entanto, muitos profissionais de marketing de internet e SEOs concordam que os proprietários de sites devem se concentrar primeiro na SEO on-page.

servidores cloud

Aplicando Técnicas de Seo

Já que nesta faze podemos comparar com a construção de uma casa, onde primeiramente o alicerce além dele segurar toda estrutura da casa, será ele o responsável por dizer se a casa pode ser expandida ou não.

Abaixo está uma lista dos fatores de SEO on-page digamos os mais importantes:

Tag do título: crie um título atraente e inclua as palavras-chave que você está segmentando.
Descrição: assim como o título, a descrição deve ser interessante e conter as palavras-chave que você deseja ranquear. Uma boa descrição pode aumentar visitas no site.

Palavra-chave. embora essa tag seja ignorada pelo Google, pois ele mesmo vai indicar qual é a palavra-chave do seu texto, você ainda deve usá-la para outros mecanismos de pesquisa. Coloque nos seus textos 10 palavras-chave mais importantes e tenha palavra-chave principal.

Cabeçalhos: os motores de busca (e humanos) adoram conteúdo formatado e fácil de ler. Use tags de cabeçalho H1, H2, H3 em seu conteúdo. Tente incluir sua palavra-chave pelo menos na tag H1.

Estrutura de URL: se possível, use sua palavra-chave no URL. Não use sublinhados, caracteres especiais ou espaços aqui. Se você precisar separar palavras, use traços.

Tag alt para imagens: texto alternativo é necessário para quando a sua imagem não carregar, ter a descrição do que é ela. É também um fator de classificação do Google. Seja qual for o sistema que você está usando para publicar seu conteúdo online, ele deve incluir texto alternativo para imagens.

Para os utilizadores do WordPress existe alguns plugins que tornam essa tarefa extremamente simples, podemos citar o Yoast um dos mais populares plugins de SEO. Esse plugin é o grande responsável por otimizar o conteúdo de muita gente na internet.

Conteúdo: para que seu site tenha uma classificação alta nos mecanismos de pesquisa, o conteúdo deve ser exclusivo e fornecer valor para seus visitantes.

A velocidade do site também é fator decisivo para ranquear sue conteúdo, ninguém gosta de sites lentos.

Otimize seu website para obter a melhor velocidade de carregamento possível. O Google tem uma ótima ferramenta para analisar o desempenho do site PageSpeed ​​Insights.

Nesse Artigo ensinamos algumas boas práticas de como gerar tráfego orgânico para seu site, seu e-commerce. Mas não pense que SEO é somente isso, sempre pense no seu usuário, sempre lhe ofereça conteúdo de qualidade, que lhe irá ajudar em algum problema. [notificationx id=13389]